Embaixada de Portugal no México

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Apresentação do Programa de Portugal na FIL Guadalajara

A apresentação do programa de Portugal como Convidado de Honra na Feira Internacional do Livro de Guadalajara decorreu no cartaz filg 2018passado dia 18 de junho em Lisboa, com a presença do Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, do Ministro da Cultura, Luís Castro Mendes, da Comissária da participação portuguesa, Manuela Júdice, e da Directora-Geral da FIL, Marisol Schulz.

Perante convidados reunidos no Palácio das Necessidades, foi pela voz da Comissária Manuela Júdice que se ficou a conhecer o ambicioso programa da presença portuguesa na Feira

Mais de 40 escritores de língua portuguesa participam este ano na Feira, num programa que inclui visitas a escolas, lançamento de livros, sessões de leitura e encontros com leitores. Entre os escritores de língua portuguesa presentes no certame contam-se alguns nomes já galardoados com o Prémio Camões, como António Lobo Antunes, Mia Couto, Hélia Correia, Germano Almeida ou Manuel Alegre, mas também nomes mais jovens da literatura portuguesa como Dulce Maria Cardoso, João Tordo, José Luís Peixoto, Gonçalo M. Tavares e Afonso Cruz.

Segundo o comissariado da FIL, pretendeu-se envolver nesta feira literária, que decorre na cidade mexicana de Guadalajara, de 24 de novembro a 02 de dezembro, escritores e editores que representassem várias gerações, atravessando os diversos géneros literários, do romance policial à poesia, passando pelo ensaio, a crónica e o conto.

No decorrer do certame, alguns dos autores vão fazer o lançamento de livros, como é o caso de Adélia Carvalho, Inês Fonseca Santos, Ricardo Araújo Pereira, Manuel Alegre, Gonçalo M. Tavares, José Eduardo Agualusa e João Tordo.

Numa iniciativa designada "Ecos da FIL -- Encontro de autores com estudantes", vários escritores vão visitar escolas locais (não só de Guadalajara, mas de todo o Estado de Jalisco), entre os quais Agualusa, Ana Luísa Amaral, João Luís Barreto Guimarães, Hélia Correia, Vasco Gato, João de Melo, Lídia Jorge, Ondjaki, Maria do Rosário Pedreira, José Luís Peixoto, João Tordo, Margarida Vale de Gato e Francisco José Viegas.

O encontro internacional de contistas vai contar com a participação de Teolinda Gersão e Afonso Cruz, este último, presente também nas galas sobre o "O Prazer da Leitura" -- encontros com leitores em conversas diretas e informais --, juntamente com Mia Couto, Hélia Correia e Ondjaki.

O escritor português autor de "A Boneca de Kokoschka" -- com o qual venceu o Prémio da União Europeia de Literatura - vai também participar no Festival das Letras Europeias, um encontro que pretende aprofundar o intercambio literário entre os países membros da União Europeia e o México.

O Salão de Poesia, criado em 2008 para dar maior destaque à poesia no programa literário, permitirá ao público assistir a leituras de poemas pelos próprios autores, como é o caso dos poetas Filipa Leal, Manuel Alegre, Ana Luísa Amaral e Nuno Júdice.

 

Intervenção de Sexa MNE    Palácio das Necessidades - público    Intervenção de Sexa MC

Fotos © Cortesia FIL Guadalajara disponíveis na sua conta Flickr

No Pavilhão de Portugal vão ser apresentados o Plano Nacional de Leitura, por Teresa Calçada, o Programa de Apoio À Tradução, Ilustração e Edição de Obras de Autores Portugueses e Africanos de Língua Portuguesa que este ano teve uma edição especial para o México em particular e para a América Latina em geral.

Desenvolvido conjuntamente pela Direção Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas e pelo Instituto Camões, este programa de apoio à tradução abrange obras de ficção, poesia, ensaio, dramaturgia, livros ilustrados e banda desenhada.

O México, a Colômbia, a Argentina, o Chile, o Peru, o Uruguai e a Venezuela são os sete países que vão editar 61 autores de língua portuguesa, entre os quais, Adília Lopes, Adélia Carvalho, Gonçalo M. Tavares, Lídia Jorge, Raúl Brandão, Ruy Belo ou Ricardo Araújo Pereira.

Além do programa literário, está prevista uma mostra cinematográfica com 12 longas-metragens baseadas em livros de autores portugueses, em três sessões diárias, entre os quais "Uma Abelha na Chuva", de Fernando Lopes, "O Barão", Edgar Pêra, "O Filme do Desassossego", de João Botelho, "Vale Abrãao", de Manoel de Oliveira, e "Até Amanhã Camaradas", de Joaquim Leitão.

O programa de cinema conta ainda com sete curtas-metragens de Anabela Moreira, Carlos Conceição, Salomé Lamas, Regina Pessoa, João Salaviza, Leonor Teles e Marta Mateus.

No programa de teatro serão apresentadas as peças "By Heart", de Tiago Rodrigues, que emerge da partilha de um poema com o público, e "Consentim(iento)", uma produção Cassefaz, que põe em diálogo escritos de Padre António Vieira e de Frei Bartolomé de Las Casas.

A dança portuguesa será representada pelo espetáculo "Lídia", de Paulo Ribeiro, da Companhia Nacional de Bailado, uma proposta baseada nas várias personagens literárias com o mesmo nome.

Na área das artes plásticas estarão presentes em Guadalajara três exposições: "O Que Dizem as Paredes -- Almada Negreiros e a Pintura Mural", com curadoria de Mariana Pinto dos Santos, "Ana Hatherly e o Barroco: num jardim feito de tinta", com curadoria de Paulo Pires do Vale, e "Variações sobre uma Tradição: dos lenços de amor aos bordados com poesia", curadoria de António da Ponte.

A participação portuguesa na FIL Guadalajara terá também um espaço para crianças -- FIL Niños --, com espetáculos infantis, em que participarão António Jorge Gonçalves, Ondjaki e Filipe Raposo.

Haverá igualmente um programa dirigido a profissionais com a presença de bibliotecários, um designer de livros e dois ilustradores; e uma mostra gastronómica, ao longo dos nove dias do evento, sob a responsabilidade do 'chefe' Luís Tarenta.

Para mais informações sobre a Feira, consulte o website dedicado da participação portuguesa.

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail